Exportações de produtos roraimenses ultrapassam a marca de US$ 14,5 milhões

O principal produto exportado no acumulado do ano foi o arroz – Foto: Divulgação

Segundo dados da Balança Comercial de Roraima divulgado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), de janeiro a novembro deste ano foram vendidos pouco mais de US$ 14,5 milhões de mercadorias roraimenses para o mercado externo.

O principal produto exportado no acumulado do ano foi o arroz, foram vendidos para a Venezuela (99,9% do total) e Guiana (0,1% do total) pouco mais de 8 mil toneladas do grão, o que totalizou vendas no período de aproximadamente US$ 4,4 milhões.

O segundo item mais exportado foi a madeira, que totalizou vendas de pouco mais de US$ 1,8 milhões, tendo como destino 8 países diferentes, com destaque para a Holanda, que adquiriu US$ 1,4 milhões de madeira roraimense, e a França com cerca de US$ 272 mil. Logo em seguida vem a venda de soja no valor de aproximadamente US$ 1,8 milhões, sendo vendida quase que em sua totalidade para a Holanda (US$ 1,7 milhões).

Em quarto lugar ficou a venda de 26 quilos de ouro para a Índia no valor total de US$ 936 mil, esta venda de ouro em barras foi realizada por empresas sediadas em São Paulo e em Minas Gerais, contudo a origem da mercadoria foi declarada de jazidas em Roraima.

E em quinto lugar ficou a venda de 1,4 mil toneladas de açúcar, que gerou uma receita de US$ 764 mil, seu destino foi quase que exclusivamente para a Venezuela que adquiriu sozinha US$ 763 mil, o restante do açúcar foi vendido para a Guiana.

Em relação às importações, no acumulado do ano foram adquiridos do exterior cerca de US$ 7,9 milhões em mercadorias, tendo como principal produto importado pneumáticos no valor total de US$ 2,6 milhões, a grande maioria destes pneus tiveram como origem a China, mas também foram comprados pneus da Tailândia, México, Índia, Vietnã, Indonésia e Paquistão.

O segundo item importado de maior relevância na balança comercial roraimense foram as centrais de ar-condicionado, que no período de janeiro a novembro de 2018 já totalizaram US$ 2,3 milhões em compras, adquiridos de fornecedores chineses.

Em relação ao saldo da balança comercial de Roraima no acumulado do ano de 2018, como o valor das exportações superaram o total das importações temos um resultado superavitário de mais US$ 6,6 milhões.

Redação Macuxi