Homem morre após levar tiro no rosto durante roubo de um relógio em SP

Um homem foi morto durante tentativa de assalto em uma praça na Mooca, na Zona Leste de São Paulo, na noite de quinta-feira (13/9), por causa de um relógio. Por volta das 21h, o chefe de cozinha Edson Silva, de 33 anos, estava na Praça Eulógio Martinez com uma amiga, próximo à Rua Javari, quando foi abordado por criminosos. A informação é da TV Globo.

De acordo com a mulher que estava com a vítima, três homens se aproximaram e pediram carteiras e celulares, mas eles estavam sem os pertences que deixaram no carro estacionado perto do local. Então, os assaltantes tentaram levar o relógio do chefe de cozinha, que reagiu e foi baleado.

A vítima foi atingida por um tiro no rosto.

O chefe de cozinha chegou a ser socorrido para o Hospital João 23, que fica a dois minutos do local do crime, mas não resistiu aos ferimentos. Os criminosos fugiram sem levar nada. De acordo com policiais, a praça é conhecida por ser frequentada por usuários de drogas durante a noite e visada por assaltantes. Somente no mês de setembro foram registrados três roubos no local.

 





Redação Macuxi